RELEASES

Startup catarinense voltada para comercialização de insumos projeta crescer 400% em 2022

Com atuação em todas as regiões do país, Agtech Produce, de Chapecó, lança novo plano de expansão e aposta em modelo colaborativo de negócio

 

Através de um modelo de negócio inovador, de economia colaborativa na comercialização de insumos e produtos, e com assistência ao produtor rural, a startup catarinense do agro (Agtech) Produce, com sede em Chapecó, aposta em um crescimento vertiginoso para 2022. Criada em 2019, a empresa conta com um time de consultores como única ponte entre o fornecedor e o produtor rural, em um relacionamento direto e de confiança.

“Oferecemos para o produtor uma alternativa aos modelos tradicionais, de um jeito diferente e mais inteligente. Encaramos a compra e venda de insumos de forma menos burocrática, estreitando os laços entre os fornecedores e o campo. Levamos tecnologia sem abrir mão da interação humana”, resume Guilherme Trotta, diretor da Produce.

No modelo de negócio, o consultor acompanha de perto os produtores que atende, auxiliando na escolha do produto ou insumo mais adequado e lidando com a plataforma por meio de um aplicativo. “Oferecemos um mix de tecnologia, que chega até o consultor, dali em diante há um relacionamento direto, o consultor é o nosso elo com o produtor, entregando comprometimento e produtividade a todo o tipo de cultura”, explica Trotta.

Um novo plano de expansão, para o Brasil, será lançado no próximo dia 28 de abril, durante evento online. A projeção é de um novo salto na força de vendas, saindo dos atuais 2.500 consultores de Norte a Sul do país, para um time de 15 mil pessoas em todo o Brasil. “A qualificação técnica, novas pesquisas e a competitividade são as marcas da inovação em 2022. Isso nos leva a um otimismo porque já trabalhamos dentro dessa perspectiva”, acrescenta o criador da Agtech. Com atuação em todas as regiões, a principal meta é consolidar mercado no Cerrado do Centro-Oeste, a exemplo do que já ocorre nos estados do Sul.

 

- Volume de vendas atingiu aumento de 128% -

O crescimento de 2021 foi considerado excelente. No ano passado, o volume de vendas registrou aumento de 128% e a cartela de compradores cresceu 215%. O leque de produtos cadastrados, como fertilizantes e sementes de grãos, oleaginosas e pastagens, foi ampliado em 241%.

 “Nossos consultores começam atuando com os próprios amigos e conhecidos, aquele bate-papo para tomar um café ou mesmo um churrasquinho, não podem ser deixados de lado. Bons produtos e de qualidade todos têm, é esse relacionamento que faz a diferença e nos interessa”, acrescenta. A rede de clientes vem sendo ampliada pelos próprios produtores rurais, que fazem novas indicações.

Um bom exemplo vem do interior do Paraná. O técnico agrícola Rogério Gonçalves da Silva recebeu convite para ser consultor da Produce, há quase três anos, e resolveu apostar no projeto. O crescimento foi rápido, Silva se encaixou perfeitamente na proposta de modelo colaborativo, onde, além de vender, oferece consultoria. “Ser consultor da Produce me proporcionou atender o produtor, trabalhando como extensionista, era o que eu mais queria. E está dando muito certo, terminou a safra já me chamam para fazer novos orçamentos e prospectar a próxima. Meus clientes estão contentes”, conta o especialista em produção agrícola.

“A Produce nasceu dessa intenção de promover um modelo colaborativo, de ter gente oferecendo os nossos produtos. Acreditamos que, ao disponibilizar um portfólio bom, com preços atrativos, margem alta e um bom serviço também aos nossos consultores, passamos a levar independência financeira para o campo”, acrescenta o diretor Trotta.

Após o negócio fechado, a logística de entrega e a cobrança são de responsabilidade da startup. “Não há investimento financeiro por parte do consultor e ele tem acesso gratuito à plataforma. Recebe capacitação e é acompanhado de perto por um time de engenheiros agrônomos da própria Produce. Por isso, pode ser de diferentes áreas de atuação, nós garantimos atualizações constantemente”, reitera Trotta.

 

 

 

Texto: AgroUrbano Comunicação

Foto: Produce/Divulgação

www.agrourbano.com.br

www.facebook.com/AgrourbanoComunicacao 
Instagram: @agrourbano_comunicacao 

 

Sobre a Produce

https://www.instagram.com/produceoficial/

https://www.produce.agr.br/#/home

https://www.facebook.com/oficialproduce/

Últimos Releases

Preencha seus dados

Preencha corretamente que entraremos em contato o mais breve possível.