RELEASES

Projeto Pecan4.0 ultrapassa 550 hectares de produtores assistidos

Em menos de um ano de projeto já são mais de 20 produtores no projeto Pecan4.0, ultrapassando uma área de 550 hectares no Rio Grande do Sul e 15 hectares no Uruguai. A transformação nesses pomares vem ocorrendo com uma estratégia de produção que reúne técnicas que permitem uniformidade no desenvolvimento, entrada de produção e melhores produtividades. A técnica é aplicada com o mesmo objetivo em todos os pomares, porém, em etapas, dependendo da idade e desenvolvimento do pomar, associando a infraestrutura e capacidade operacional de cada propriedade.

Alguns pomares encontram-se em situações distintas. Isso se explica, segundo os especialistas, pelo fato de ser uma cultura em expansão e que ainda há muito o que corrigir. Porém, quanto antes iniciar este processo de correção, mais rápido o pomar frutifica. “É muito importante o produtor entender que para o pomar atingir uma boa performance, é necessário investir em tecnologia. O problema é seguir com o erro ou errando”, salienta Jorge Porto, técnico da Pecan Solution.

Eduardo Ayres, também técnico da Pecan Solution, lembra que existem pomares em diferentes níveis de desenvolvimento. Ele destaca que em alguns pomares já nos primeiros 6 meses já é possível perceber a evolução com a utilização das tecnologias do Projeto Pecan4.0, em outros, será preciso trabalhar por 2 anos ou mais para deixá-los da forma a qual está planejada. “O nosso desafio é ter todas as plantas com uma estrutura de produção semelhante, e com um conjunto de manejos ter produção de qualidade com menor alternância”, acrescenta Ayres.

Segundo o técnico da Pecan Solution, Jorge Porto, para 2020 a expectativa é que o número de produtores cresça na adesão do Projeto Pecan4.0. “Consideramos satisfatória a adesão até este momento, pois representa 10% da área oficial plantada no RS”, finaliza Porto.

Recursos subsidiados

O agronegócio brasileiro é movido por recursos subsidiados, e não é diferente com a nogueira pecan. “Muito rápido teremos a evolução dos custeios para a produção de noz pecan, pois com a entrada dos pomares em produção é possível que os produtores contratem este tipo de crédito, porém tem um trabalho de base antes disso que precisa ser ajustado”, afirma Emerson De Franceschi, da Acreditar, empresa parceira da Pecan Solution.

Últimos Releases

Preencha seus dados

Preencha corretamente que entraremos em contato o mais breve possível.