RELEASES

Produtores que apostaram no sulfato de cálcio granulado estão confiantes para colheita da soja

As próximas semanas serão cruciais no meio rural, para que se saiba o efeito da estiagem sobre a soja, principal cultura da estação no Rio Grande do Sul, que ainda está no campo. Enquanto em algumas regiões ainda há esperança de novas precipitações, em outras resta saber a proporção das perdas devido ao estresse hídrico das plantas pela falta de água.


Apesar da preocupação generalizada, a expectativa de alguns produtores é positiva, como é o caso de Gilberto Dal Forno, de São Borja, na fronteira oeste. Ele se prepara para a colheita que começa ainda no mês de março e está confiante. “A minha lavoura, comparada com áreas vizinhas, resistiu muito mais, segurou mais vagens e manteve-se sempre verde”, garante o agricultor, que utiliza fertilizantes minerais, à base de cálcio e enxofre, no manejo do solo. Dal Forno aplicou Sulfacal na propriedade de 250 hectares cultivados em São Borja e em outros 110 hectares no município de Independência, no noroeste gaúcho. “Mesmo com os períodos longos de seca e as altas temperaturas, a soja resistiu muito bem”, afirma.


O preparo correto do solo é fundamental para o sucesso da lavoura e pode garantir excelentes resultados em diferentes culturas, como soja, milho, arroz e fruticultura. Um fertilizante rico em cálcio e enxofre, como o Sulfacal, é determinante na descompactação da terra e atua no enraizamento das plantas. “O cálcio e enxofre são excelentes bio-ativadores, atuam no crescimento das raízes centrais e finas, conseguem atingir camadas mais profundas do solo e aumentam o potencial para a planta absorver o investimento do produtor em nutrição”, firma Eduardo Silva e Silva, engenheiro agrônomo da SulGesso, empresa produtora do Sulfacal. Solo livre e descompactado significa mais espaço para as raízes se desenvolverem. Em consequência, é maior o contato das raízes com o solo. “Seria como transformar a coifa das raízes em uma broca responsável por perfurar o solo e alcançar grandes profundidades. O cálcio é responsável por deixar essa broca sempre afiada. Já as raízes finas produzidas agregam ao solo, oferecem maior aeração, ajudam na retenção da água e na descompactação química”, explica o especialista.


Fonte de cálcio e enxofre solúveis, o fertilizante Sulfacal é resultado de tecnologia desenvolvida pela empresa catarinense SulGesso, empresa referência na produção de fertilizantes minerais. Elaborado a partir de reservas de fosfogesso situadas em Imbituba, litoral catarinense, o produto conquista a confiança dos produtores ao melhorar o enraizamento das plantas, reduzir o alumínio tóxico e auxiliar na descompactação do solo, além de aumentar a resistência à seca. Sulfacal conquistou a confiança e trouxe tranquilidade ao produtor rural Dal Forno. “Nunca tive minha área tão uniforme igual este ano,”, comemora. “Eu uso e recomendo Sulfacal”.

 

 

Informações para a imprensa
Texto: AgroUrbano Comunicação
Foto: divulgação RiceTec
Fone/Whats: (51) 99165 0244
www.agrourbano.com.br
www.facebook.com/AgrourbanoComunicacao
Instagram: @agrourbano_comunicacao

Últimos Releases

Preencha seus dados

Preencha corretamente que entraremos em contato o mais breve possível.